Páginas

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Alternância de prefeitos afeta o desempenho dos vereadores no Poder Legislativo, confira no resumo da sessão

Há mais de vinte sessões sem ordem do dia e/ou sem planejamento, só restam os improvisos e as pirotecnias, isto é,  quando existe quórum.



Sem o cuidado de se planejar antecipadamente, as sessões ordinárias estão sendo realizadas sem a ordem do dia, espaço onde os parlamentares apresentam o que planejaram durante a semana. Na ausência do planejamento só restam os improvisos quando a palavra é facultada, que a depender do público presente, se transformam em pirotecnia.

Esse comportamento tem provocado o esvaziamento da sessão e do povo no plenário da câmara. As sessões geralmente começam com 12 vereadores e terminam com quatro ou cinco impossibilitando a aprovação dos requerimentos improvisados. O resultado desse contexto são sessões monótonas, sem rendimento, sem diálogo nem muito menos ações que representem o interesse da comunidade.

A sessão contou com o retorno do vereador Paul Cesar que estava à frente da seinfra no governo Pedrosa, Bruno Praxedes continua afastado na esperança do retorno de Eduardo, contudo o que chamou a atenção foi o silencio de Paulo Cesar, “entrou mudo e saiu calado”, abandonou a sessão antes do fim e tanto ele como os Edis não tocaram no assunto RACISMO E CORONEL, ninguém foi solidário ao colega que foi ameaçado pelo filho de Mano.  Pelo jeito não há mais tempo para discutir União, o pensamento agora é “reeleição”.   É parlamentar, ou pra lamentar!


Acompanhe o ressumo da sessão:
Sessão Ordinária 06/2016 Câmara Municipal de União dos Palmares
Inicio: 19h25min em 22 de fevereiro 2016
Ausência: Almir Belo, Alan Elvis e Lucas.
ATA: Aprovada sem discussão
Expediente da semana:
Ofício da comissão de finanças do conselho municipal de saúde informando que os balancetes da secretaria estão em estudos;
Oficio do Poder Executivo enviando Projeto de Lei que institui o estatuto do idoso;
Ofício do Rotary Club solicitando sessão solene para apresentar as ações do Club;

Ordem do dia: Nada foi apresentado

Facultada a palavra
Clezivaldo, presidente do Rotary Club falou das ações dos últimos 20 anos do Club;
Paulo Cavalcanti, Toinho, Preguinho e Fabian parabenizou o jovem Mizael;
O presidente Tita repudiou a violência no município e diz que se a guarda municipal estive equipada isso não aconteceria, se referindo o assalto seguido de morte do Jovem palmarino.
Fabian Holanda repudiou a violência no município e no Estado, sobretudo nos estádio de futebol;
Atribui à violência a falta de emprego no país;
Ofício para seinfra solicitando a colocação dos bancos da Avenida Monsenhor Clovis;
Solicita a visita da equipe de endemias a fim de resolver o problema da caixa d’água que se encontra sem tampa na casa vizinha a câmara;
Repudia os colegas por abandonarem a sessão antes de terminar;
Solicita novamente empenho dos gestores para receber o IFAL no município;

Sessão encerrada: 20h e 45min.

Nenhum comentário: