Páginas

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Improbidade: Câmara de União recebe representações contra o prefeito afastado Beto Baia e o prefeito interino Eduardo Pedroza

Eduardo Pedrosa apresentou denuncias de irregularidades nos três anos de gestão de Beto Baia e Beto Baia denunciou Eduardo em apenas 33 dias de governo

Eduardo Pedroza- prefeito interino               Beto Baia- prefeito afastado

União dos Palmares vive sua pior crise política da história, prefeito e vice se “degladiam” pelo poder político e econômico proporcionado pela prefeitura e deixa o povo a deriva, distantes das políticas públicas negligenciadas pelo governo. O povo tem sofrido ainda calado, com a administração desses grupos que tiram proveitos políticos a custa da miséria dos outros.

Esse mês aconteceu um fato inusitado na câmara municipal, “os prefeitos de União” apresentaram na câmara municipal, denuncias de corrupção um contra o outro e outro contra um.
As denuncias:
Eduardo aponta irregularidades no governo Baia acerca do transporte escolar, contratos irregulares, entre outras mazelas encontradas desde a gestão de Ricardo Praxedes, que foi motivo de chacota em rede nacional.

Beto Baia acusa o prefeito interino Eduardo Pedrosa de ter fraudado processo de licitação de combustíveis e apresentar gastos excessivos no período inicial quando governou o município por 33 dias.


Portanto, a câmara que nunca conseguiu concluir um processo de investigação dos gestores, poderá acatar as denuncias e constituir mais uma comissão para investigar os dois prefeitos de União: Beto Baia e Eduardo Pedroza. Se isso vai acontecer, são outros QUINHENTO$. O que você acha meu caro leitor!

E agora José?
É PARLAMENTAR OU PRA LAMENTAR?

Nenhum comentário: