Páginas

sábado, 11 de junho de 2016

Na “transparência do governo” ninguém enxerga as prestações de contas

Poder Legislativo fecha os olhos para denuncias e ausências de prestações de contas



“União dos Palmares vive uma realidade de uma cidade muito longe daqui, mas que tem os problemas que parecem os problemas daqui”. Não temos Petrobrás temos SAAE, não temos ministérios da saúde nem educação, temos secretarias que funcionam como prefeituras assistencialistas que de transparente só tem os serviços.
A falta de transparência nos erários públicos é o sinônimo da falta de compromisso e seriedade dos gestores que se reversam e brigam e pelo poder político e econômico na terra da liberdade.

O Poder Legislativo se divide em dois blocos, um lado defende aos interesses próprios e do prefeito e o outro defende o vice. Nesse jogo o povo fica de fora, assistindo a inercia dos gestores e os vícios e maus costumes dos vereadores.

Onde estão os recursos anunciados para o nosso município? Os 64 milhões que estavam em conta para ser aplicado em saneamento, revitalização da entrada da cidade, Rua do Jatobá, UBS, UPA, Mercado de artesanato, biblioteca virtual, acesso a serra da barriga, entre outros. Não temos respostas, dos gestores que chegam mudos e saem calados.

Portanto, está na hora de sairmos da zona de conforto e de relaxamento, União não merece tamanha miséria e obscuridão administrativa.


Nenhum comentário: