Páginas

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Denuncias de pagamentos irregulares no SAAE e SEMED continuam engavetadas

Em anos eleitorais governistas não querem se indispor com governo





A fase de lua de mel do governo Pedrosa com o povo acabou, agora só resta o namoro com poder legislativo, pois a cada dia surgem novas denuncias de irregularidades da gestão, mas a bancada governista fecha os olhos que outrora estavam arregalados buscando a “justiça” a qualquer custo.  

Paulo Cavalcanti renunciou a relatoria da comissão de finança, argumentou que para fiscalizar o governo não precisa de cargo, outrora tinha tido que “as comissões nunca se reunira, o regimento interno não é respeitado na totalidade e o que existe na câmara é um acordo de cavalheiros”. O Fato é que as avaliações das denuncias que chegaram à câmara, assim como outros projetos andam a passo de tartaruga.

O presidente Tita sem feito o seu papel quando acata as denuncias e envia para as comissões, contudo os prazos não têm sido respeitados, o regimento interno diz no artigo 68 que deverão ser descontado 15% do salário do vereador que faltar sem justificar as sessões ordinárias e/ou as reuniões das comissões, todavia nenhum presidente teve a coragem de fazer valer o regimento interno, todos se omitiram nesse sentido, nunca “bateram na mesa”.

Portanto, a comunidade espera que a o Poder Legislativo faça valer as prerrogativas dos parlamentares, para que não seja necessária a intervenção de outro Poder, algo que seria lamentável.



Nenhum comentário: